Release:
 O espetáculo
"O MENINO DO DEDO VERDE" é uma adaptação bastante fiel ao texto original, que é por si só um clássico. Um texto leve e profundo ao mesmo tempo, que resgata a magia dos clássicos infantis.
O Menino do dedo verde conta a história de um menino chamado Tistu. Com muita poesia e simbologia a história resgata valores morais importantes. Tistu descobre que tem um polegar verde e se utiliza do dedo verde para fazer florescer flores e alegria por onde passa. Sua verdadeira identidade só é revelada no final do espetáculo, quando a história de Maurice Druon toca o coração do espectador, de forma  poética.

A concepção do espetáculo mistura o “real” com o “imaginário”. O real é vivido por dois narradores que vivem nos dias atuais e o imaginário pelos personagens da história que ganham vida quando saem das folhas do livro e da imaginação dos narradores.

 O Projeto de Inserção Social e Urbana do PAC-Rio nesta comunidade desenvolve atividades de Educação Ambiental, Sanitária e Patrimonial. Uma delas é a Campanha Meninos do Dedo Verde coordenada pela Base de Inserção Social e Urbana - BISU, que é o canteiro local das ações sociais do PAC-Rio. A Campanha estimula a identidade, a qualidade, a defesa e sustentabilidade do meio natural e construído desse morro. 

 Os professores das escolas que aderiram ao projeto desenvolvem com seus alunos atividades de educação ambiental aplicadas à realidade local e às perspectivas de sua transformação oportunizadas pelo PAC-Rio. O Projeto está aproximando escolas e professores do cotidiano dos alunos moradores, ampliando o seu conhecimento sobre a realidade e os desafios de jovens em favelas.

 O foco dessa educação ambiental não é um ambiente genérico e sim o ambiente peculiar, o território dos alunos, inserido no ecossistema da Lagoa Rodrigo de Freitas e do mar. Um ambiente que é uma encosta íngreme, que já desmoronou no passado, com dificuldades de acesso e de retirada do lixo e que tem ainda uma mata no topo do morro que muitos moradores gostariam de ver preservada. Crianças e jovens do futuro podem ser multiplicadores de uma atenção ecológica de novo tipo em suas relações familiares e com seu território, que é de cultura forte e de origem mais que centenária, pois remonta ao tempo do império português, pois a mata abrigava negros foragidos da escravatura.

 A montagem do espetáculo “O Menino do Dedo Verde” é uma resposta alegre da comunidade e em especial de nossos parceiros professores aos esforços da equipe envolvida com o PAC-Rio em Pavão, Pavãozinho e Cantagalo. 

 A história do Menino do Dedo Verde, de Maurice Druon, é uma obra prima da literatura infantil e foi escolhida como tema inspirador das ações de educação ambiental nesse território.

Esse espetáculo é uma ótima oportunidade para a integração asfalto comunidade.


Elenco:
Alunos-atores do Solar meninos de luz

Ficha Técnica:
DIREÇÃO, ADAPTAÇÃO E CONCEPÇÃO: Lucianna Martins
ASS. DE DIREÇÃO: Diogo Araújo e Iuri Albuquerque
FIGURINO E ADEREÇOS: Fernando Cardoso
ASS DE FIGURINO: Ana Beatriz e Manuella Bacellar
ASS DE ADEREÇO: Patrícia Machado e Tainara Rodrigues
CENÁRIO: Alunos do Solar meninos de Luz e equipe Kal
ILUMINAÇÃO: Tarcísio Torres Rodrigues
PROGRAMAÇÃO VISUAL: Hiperativa (agência de comunicação e propaganda incubada pelo PAC)
PRODUÇÃO: Lucianna Martins Produções, Alunos-atores e equipe Bisu

Serviço:
Espetáculo: O Menino do dedo verde
Estréia: 24 de outubro
Temporada: de 24 de outubro a 28 de novembro
                   sextas-feiras às 15h
Local: Teatro Meninos de Luz
End: Rua Saint Roman, n° 136 – Copacabana.
Tel.: 2522-9524
Ingressos gratuitos limitados
Informações: 2267-6374
Os ingressos devem ser retirados com antecedência no Bisu,  Estrada do Cantagalo, 172